Diretor de “Esquadrão Suicida” levou terapeuta ao set para manter atores nos eixos

Os atores e a equipe por trás de Esquadrão Suicida parecem estar levando a produção do longa-metragem bem a sério. Tão a sério que o diretor David Ayer precisou contratar um terapeuta para ajudar os protagonistas a atingirem os limites da mente humana sem que necessariamente perdessem a cabeça e ficassem de fato loucos.

A informação veio do site E!, e foi dada à reportagem por Adam Beach. O ator, que será o Amarra (ou Slipknot) na obra dos super-vilões, ressaltou que os filmes de Ayer são sempre muito realistas e que, “se seu personagem é perturbado, ele quer que você também seja perturbado”. “Ele quer o mais real possível”, disse.

O terapeuta contratado pelo diretor, porém, não é exatamente um psicólogo, e sim um “treinador” para a vida, que ajuda os atores a não perderem o chão. “Nós exploramos uma linha muita tênue indo para esse lado negro, e ele quer ter certeza de que terminaremos o filme sem desaparecer em algum lugar e não aparecer no trabalho”, disse Beach.

Foto por: Reprodução
Não é só na foto que Jared Leto parece louco 

A “novidade” vem apenas alguns dias após a notícia de que Jared Leto, que interpretará o Coringa, entrou um pouco demais no papel. Também de acordo com o E!, na hora de enviar presentes aos colegas de set, o ator mandou um pacote com um rato vivo a Margot Robbie, que interpretará a Arlequina. Já Will Smith, o Pistoleiro, ganhou algumas balas (de munição mesmo), enquanto o resto da equipe recebeu um porco morto. Perturbador.

Anúncio

©Copyright 2015/2017 Planeta Nerd. Todos os Direitos Reservados. © Planeta Nerd. Powered by: mundoms.com Planeta Nerd Contatos: contato@mundoms.com VineThemes